Controle de Processos

Área exclusiva para clientes.

Informativo

Previsão do tempo

Hoje - Manaus, AM

Máx
33ºC
Min
24ºC
Pancadas de Chuva

Principal

Projeto Justiça Interativa leva atividades a escola do bairro de Santo Antônio

A Escola Estadual Governador Melo e Póvoas, localizada no bairro Santo Antônio, zona Oeste de Manaus, recebeu na última quinta-feira (13) as atividades do Projeto “Justiça Interativa”, que é realizado pela Escola Superior da Magistratura (Esmam), do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) e tem o objetivo de promover a aproximação entre a Corte Estadual e a população amazonense, difundindo informações sobre as funções, atividades e órgãos que compõem do Poder Judiciário. Ministrada pela juíza Mônica Cristina Raposo, titular da 10ª Vara Cível, a palestra realizada na Escola Melo e Póvoas abriu a programação deste segundo semestre do projeto da Esmam. Em mais de duas horas de conversa com os estudantes, a magistrada esclareceu o papel do poder judiciário e os mecanismos pelos quais a sociedade pode recorrer à justiça. “É muito válido esse contato com os adolescentes, em que eles têm oportunidade de esclarecer dúvidas sobre o nosso trabalho como juiz, sobre o funcionamento do Poder Judiciário e nós temos a chance também de falar como é prazeroso servir à população”, destacou a juíza Mônica Raposo. Para o gestor da escola, Deivid Alexandre Ferreira, o projeto que a Esmam leva aos estudantes, que estão na fase de decidir o que querem cursar na graduação, é muito importante, inclusive para que eles possam conhecer melhor seus direitos e deveres. O estudante de 17 anos, Joshua Fabian Bezerra, disse que “a palestra foi interessante para mostrar o quanto os cidadãos precisam entender que existem leis e que precisam ser obedecidas e a juíza esclareceu tudo isso aqui” afirmou. Até dezembro, estão previstas mais de 10 palestras em escolas públicas da capital, além de edições do programa de interiorização do Justiça Interativa que ,neste semestre, estão previstas para atender toda a região metropolitana de Manaus. Projeto Implantado em 2011 a partir de metas estipuladas pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o projeto Justiça Interativa alcançou os objetivos em poucos meses. Os resultados positivos do projeto fizeram com que a Escola da Magistratura inserisse a atividade no seu calendário anual. Texto e Fotos: Gabriel Abreu
17/07/2017 (00:00)
© 2017 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.